HomeNotícias >  Acontece em São Paulo
 
Profissionais do CEJAM participam de workshop para implantação do protocolo de sepse infantil
 

Na última quarta-feira (07/06), as equipes da AMA,UBS integradas e Pronto Atendimento do CEJAM participaram de um  workshop para implantação do protocolo de sepse infantil, ministrado pela coordenadora da UTI pediátrica e gestora do protocolo no Hospital Municipal Dr. Moysés Deustch M’Boi Mirim,  Dra. Daniela Nasu Monteiro Medeiros, em parceria com a equipe da Qualidade e do Desenvolvimento da Coordenação Técnica de Saúde CEJAM, de São Paulo.

A sepse, também conhecida como infecção generalizada ou septicemia, é uma condição de emergência de saúde potencialmente fatal. Acontece quando um quadro de infecção é agravado, fazendo com que o organismo não consiga controlá-lo. O Brasil tem uma das mais altas taxas de mortalidade do mundo, provocada por sepse.

Este protocolo contempla atendimento sistematizado das crianças que apresentam alterações de sinais vitais que caracterizam a sepse.  Desta forma, definindo critério para abertura do protocolo com ênfase na estabilização da criança e transferência segura para ambiente hospitalar. Durante o treinamento, os participantes puderam realizar uma simulação realística para atendimento e manejo do usuário com sepse.

Segundo a enfermeira Ana Rita Barbosa, “ a sepse pediátrica é de difícil reconhecimento precoce, com  perfil hemodinâmico diferente do adulto”. O conhecimento dessas peculiaridades e a implementação de diretrizes que visam à otimização hemodinâmica. A abordagem precoce, o suporte para estabilização rápida, antibioticoterapia precoce, a adesão ao pacote de ressuscitação e transferência precoce para atendimento intra-hospitalar são importantes pilares na abordagem dessa síndrome letal”. 

Fonte: Assessoria de Imprensa - CEJAM
Data de Publicação: 12/06/2017

 
© Copyright 2000 / 2017 - Todos os direitos reservados.