HomeNotícias >  Acontece em São Paulo
 
Junho Vermelho: AMA Jardim Ângela reforça importância da doação de sangue
 

Nesta quarta-feira (14), é celebrado o Dia Mundial do Doador de Sangue. A data foi instituída pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2014, e tem o objetivo de conscientizar sobre a importância deste ato tão simples que pode salvar a vida de alguém. O dia também faz parte da campanha “Junho Vermelho”, cujo intuito é ampliar os estoques de sangue e incentivar a população a tornar a doação de sangue uma prática.

E como forma de propagar essa ideia, a AMA Jardim Ângela promoveu palestras ao longo do dia para os usuários que aguardavam na sala de espera da Unidade. “Nós queríamos alertar todos os pacientes e acompanhantes sobre a importância da doação de sangue, o quanto este gesto é simples, tranquilo e pode salvar muitas vidas. Trouxemos orientações sobre quem pode doar, alguns impedimentos e os endereços dos postos de coleta”, conta a assistente social Silvana Amora.

A atividade foi desenvolvida com a participação da técnica de farmácia Germana que elaborou ímãs de geladeira com formato de "gota de sangue em EVA" e da auxiliar técnica administrativa Mirella, que os distribuiu para os usuários. “A ideia do imã foi fazer o usuário levar para casa e lembrar deste dia e da importância de doar. Foram elaborados também broches para serem colocados no uniforme dos colaboradores durante toda a campanha no mês junho”, diz Silvana.

JUNHO VERMELHO
A campanha “Junho Vermelho” tem o objetivo reforçar a importância de se doar sangue e acontece simultaneamente em todo o país. A OMS recomenda que 3% a 5% dos habitantes de um país sejam doadores, porém no Brasil este número cai para 1,9% da população. A situação se agrava no inverno, quando é esperada uma redução no número de doações em cerca de 30%.

SEJA UM DOADOR
Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos de idade, pesar mais de 50 quilos, ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas, estar alimentado e apresentar documento original com foto recente. Também é preciso estar atento ao intervalo entre doações. Mulheres devem esperar 90 dias entre um procedimento e outro; já os homens têm que aguardar 60 dias.

Veja onde doar sangue em São Paulo aqui.

Fonte: Felipe Nascimento - Assessoria de Imprensa CEJAM
Data de Publicação: 14/06/2017

 
© Copyright 2000 / 2017 - Todos os direitos reservados.