HomeNotícias >  Acontece em Embu das Artes
 
Semana de Aleitamento Materno em Embu das Artes é encerrada com chave de ouro
 

O Centro Cultural Metre Assis do Embu foi palco de uma importante celebração na sexta, 4 de agosto. Centenas de profissionais da área da saúde lotaram o auditório para acompanhar o encerramento da 15ª Semana Municipal de Aleitamento Materno - "Trabalhar juntos para o bem comum: todos pela amamentação", que ocorreu ao longo da semana nas unidades básicas de saúde. “Renovar e aceitar a natureza é necessário e divino. O que Deus fez, o homem não faz melhor” – disse o vice-prefeito Dr. Peter Calderoni, referindo-se ao leite materno.

O secretário de Saúde, Dr. José Alberto Tarifa, relacionou o tema com a humanização proposta pelo prefeito Ney Santos: “No aleitamento você alia a humanização com a técnica e o nosso dia-a-dia tem que ser assim” – disse. Tarifa também lembrou do importante trabalho desenvolvido pela Dra. Lucimeire Brockveld, que coordenou a equipe de tutores de cinco unidades certificadas pelo Ministério da Saúde, pelas estratégias voltadas ao incentivo à amamentação e alimentação. As UBSs Independência, Fátima, Pinheirinho, Eufrásio e Valo Verde são as primeiras do Estado de São Paulo a ter esse reconhecimento.

Eliane Santos, presidente do Fundo Social de Solidariedade e secretária de Gestão de Pessoas e Modernização Administrativa, representando o prefeito Ney Santos e a primeira-dama, Elaine Santos, deu seu testemunho: “Tenho dois filhos e amamentei os dois até os 10 e 11 meses. É um momento muito especial e importante” – declarou.

Segundo pesquisa do projeto Amamunic (Amamentação nos Municípios), Embu das Artes possui uma taxa de 52% de aleitamento materno exclusivo até os seis meses, número maior que a média mundial. Esse índice foi atingido em 2016. Em 2011, a taxa da cidade era de 16%. Isso se deve principalmente a sensibilização dos profissionais. “Na nossa unidade, nós capacitamos todos os funcionários, da limpeza até o gerente”, ressaltou a tutora Vanessa Borges, da UBS Jardim Ângela, que se apresentou junto com o também tutor, Paulo Santos, da UBS Jardim Independência.

Letícia Etiene Monte, pediatra e nutróloga, que atua na UBS Pinheirinho, frisou que a semana de aleitamento materno no Brasil foi aprovada apenas neste ano. “A sensibilização da mãe é importante desde a gravidez, assim como a primeira mamada na primeira meia hora de vida do bebê. Com a amamentação exclusiva até os 6 meses, o bebê não precisa de mais nada. Nem de chá, de nem água. Não existe nenhum leite com tanta vitamina como o da mãe” – disse. Ela também explicou que o leite materno é digerido mais facilmente por possuir uma quantidade menor de proteína, porém com qualidade nutricional muito maior ao leite de vaca ou artificias.

A nutricionista pediátrica Brenda Ladeira esclareceu alguns mitos, como: não existe leite fraco; amamentar não dói, só ocorre se a pega não estiver sendo feita de forma correta; nenhum alimento ajuda a produzir leite (beber cerveja preta, comer canjica). Brenda recomenda que a mãe que deseja armazenar o leite, o faça de força correta. Após a extração, coloque em frasco de vidro com tampa. Mantido na geladeira a uma temperatura de 5 graus, o leite pode durar até 12 horas. Já no congelador, a 3 graus negativos, o tempo sobe para 15 dias. O descongelamento deve ser feito em banho-maria. Brenda também explicou que, a cada mamada, a mama deve ser esvaziada completamente.

Ana Carmen Pedroso, nutricionista do Hospital das Clínicas, teve mastite, fissura, mas não desistiu de amamentar sua filha. Ela contou sua experiência na UTI Neonatal, onde orienta as mães sobre a importância da ordenha de leite materno para que os bebês prematuros cresçam saudáveis, e esclareceu outro mito: “mulheres com silicone, pode amamentar, sim”.

Aline Ajala, nutricionista da Secretaria de Saúde, e Renata Mascarelle, enfermeira e responsável pela área de Educação Permanente em Saúde, coordenaram as atividades do dia. Na galeria de fotos, um pouco do trabalho desenvolvido pelas unidades básicas de saúde ao longo da semana.                                                           

Fonte: Comunicação Prefeitura de Embu das Artes
Data de Publicação: 10/08/2017

 
© Copyright 2000 / 2017 - Todos os direitos reservados.