Seu email foi confirmado com sucesso!

Em alguns segundos, você será direcionado para a criação de sua assinatura digital.

Sua assinatura digital foi criada com sucesso!

Lhe foi enviado um email com a sua assinatura, juntamente com as instruções para a sua utilização.

UBS Jardim Guarujá e a atenção à  Saúde Bucal do Idoso nas visitas domiciliares

Desde que passaram a fazer parte da Estratégia Saúde da Família, as duas equipes de saúde bucal da UBS Jardim Guarujá vêm se destacando pelo trabalho desenvolvido com ênfase na saúde bucal da população idosa da região.

Em dezembro de 2014, Maria Lúcia recebeu pela primeira vez, a visita domiciliar da cirurgiã dentista Milene Souza, acompanhada da auxiliar de saúde, Joana Faria e da agente comunitária Márcia Barbosa.

Naquele dia, a paciente relatou que utilizava as mesmas próteses dentárias há mais de 30 anos, o que costuma ser uma realidade bem comum entre a população brasileira.

Com o objetivo de reverter esse quadro, neste mesmo dia, foi realizado o encaminhamento para o centro de especialidades (CEO) para a confecção de novas próteses dentárias. O atendimento permitiu que a paciente iniciasse o tratamento e conseguisse novas próteses.

“A visita domiciliar da equipe de saúde bucal é de grande importância para se criar o vínculo entre o paciente e profissional  e estarmos mais próximos dos pacientes da nossa área”, destaca Milene.

Mesmo pessoas que utilizam prótese dentária total devem consultar o dentista regularmente. “Muitos destes pacientes acreditam que não há necessidade de passar em consulta com o cirurgião dentista por não ter mais dentes. Porém o profissional avalia também as condições dos tecidos moles”, explica a dentista.

“É muito comum pacientes apresentarem candidíase oral, devido a má higiene das próteses ou por usá-las por muitos anos, sendo indicado a troca das próteses a cada cinco anos”, completa a dentista Nádia Souza.

A população idosa precisa de cuidados e orientações específicas quanto à sua higiene bucal, por isso, a UBS Jardim Guarujá tem se destacado nesta ação. “Esta foi uma iniciativa da Dra. Milene, que já alcançou resultados positivos. Desde que a equipe de saúde bucal passou a fazer parte da ESF, podemos oferecer uma assistência integral, a prevenção e também a busca ativa. Foi daí que surgiu a ideia. Optou-se nesse momento por iniciar este trabalho com o idoso por ser a classe mais vulnerável, onde a incidência de câncer bucal é maior. Em nossa região, muitos idosos possuem doenças crônicas associadas e isto predispõe a uma doença bucal”, explica a gerente Noemi Lopes da Silva. 

Foto: Dentista Milene, equipe de ESF e a usuária Mária Lúcia.


Data de Publicação: 11/06/2015

Fonte: Luciana Zambuzi - Assessoria de Imprensa CEJAM