Aguarde...

Portal da Transparência COVID-19 - Clique aqui e confira

Radar CEJAM

Radar CEJAM

18 de Janeiro de 2023

Bebês nascidos no Hospital da Mulher Mariska Ribeiro podem obter carteira de identidade na maternidade

Todos os bebês, nascidos no Hospital da Mulher Mariska Ribeiro, gerenciado pelo CEJAM em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde do Rio Janeiro, podem obter sua carteira de identidade antes mesmo de sair da maternidade. O novo posto de identificação civil do Detran-RJ, aberto nesta terça-feira (17), fica no andar térreo, ao lado da sala onde funciona o cartório para as certidões de nascimento. Da mesma forma, os pais dos bebês do Mariska, caso não possuam o documento, podem utilizar o serviço oferecido na unidade.

Assim foi com o Henry, o primeiro bebê atendido no posto. Acompanhado de seus pais, Tatiane Cristiane Oliveira Bastos e Max dos Santos, que apresentaram sua certidão de nascimento, o pequeno fez foto, deixou registradas suas digitais e saiu de alta com seu RG. O novo serviço também motivou o casal Brenda Oliveira Jacinto e Renan Rocha Ferreira a levar o primeiro filho, o bebê Anthony, para fazer a Identidade antes de deixar o hospital.

A iniciativa, que une o Detran-RJ à Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, pretende contribuir para o combate ao problema do sub-registro civil da população brasileira. O Mariska Ribeiro é a sétima maternidade da rede municipal de saúde a ter um posto de identificação civil.

Estiveram presentes na abertura oficial do novo posto, o diretor de Identificação Civil do Detran-RJ, Pedro Paulo Thompson; pela SMS-RJ, o superintendente de Hospitais Pediátricos e Maternidades, Márcio Luis Ferreira, a assistente social da Subsecretaria de Atenção Hospitalar, Urgência e Emergência (Subhue), Clema dos Santos e a coordenadora geral de Saúde da Área Programática 5.1, Eneida Reis, além da diretora-geral do Mariska Ribeiro, Vivian Folly, líderes da direção e equipes da unidade.

“O objetivo dessa medida, realizada em conjunto com a Defensoria Pública e Ministério Público, é o enfrentamento ao sub-registro civil, facilitando à população na obtenção do documento e exercício da cidadania”, disse o diretor de Identificação Civil do Detran-RJ, Pedro Paulo Thompson.

“O impacto é bem maior do que simplesmente obter um documento. É uma importante estratégia de cuidado para a promoção dos direitos na Primeira Infância e combate à maternidade violenta. A iniciativa tem motivado o envolvimento de pais, mães e bebês que já saem com seus documentos da maternidade”, afirma o superintendente de Hospitais Pediátricos e Maternidades, Márcio Luis Ferreira.

“Poder oferecer esse serviço, melhorando a qualidade do atendimento do hospital, e fortalecer a corrente em favor da cidadania, é fazer de fato a diferença na vida das pessoas. E esse é o caminho que sempre buscamos, entregando saúde para os bebês e seus pais, na sua forma mais ampla”, pontuou a diretora-geral do Mariska Ribeiro, Vivian Folly.

Fonte: Comunicação, Marketing e Relacionamento

Hospital da Mulher Mariska Ribeiro Saúde

Compartilhe essa notícia

SEDE CEJAM

Rua Dr. Lund,41, Liberdade, São Paulo, 01513-020
(11) 3469 - 1818

INSTITUTO CEJAM

Rua Dr. Lund, 41, Liberdade, São Paulo, 01513-020
(11) 3469 - 1818

Prevenir é viver com qualidade!