Aguarde...

Portal da Transparência COVID-19 - Clique aqui e confira

Saúde

Saúde

03 de Novembro de 2023

Implante dentário: profissional esclarece dúvidas sobre o assunto

Dizem que o sorriso é o nosso cartão de visitas, porém mais importante do que causar uma boa primeira impressão, um sorriso saudável e bonito é essencial para o bem-estar integral do indivíduo.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2019, 34 milhões de brasileiros, acima de 18 anos, perderam 13 dentes ou mais – ocasionando problemas na mastigação, lesões na gengiva, dificuldades na fala e até perda óssea.

Uma das soluções para esses casos é o implante dentário, método onde um “pino” é inserido em substituição à raiz do dente, possibilitando, posteriormente, a fixação das próteses. Informações da Associação Brasileira de Dispositivos Médicos (Abimo) indicam que, no país, são realizados cerca de 800 mil implantes anualmente.

“Este tipo de reabilitação, apesar de apresentar boa previsibilidade e altas taxas de sucesso, é um tratamento complexo que requer análise apurada de exames complementares e a realização de um planejamento adequado”, afirma Dr. Francis Tsurumaki, cirurgião-dentista e Supervisor de Saúde Bucal do CEJAM.

O profissional explica que o tratamento consiste em duas fases: cirúrgica, onde é realizada a instalação do implante de titânio no osso do paciente; e, após o período de osseointegração (processo similar ao da cicatrização, levando aproximadamente de quatro a seis meses), a fase protética, onde são instaladas as próteses dentárias sobre os implantes. Saiba mais!

Para quais casos o implante é recomendado?

De acordo com Dr. Francis, a reabilitação com implantes dentários é indicada para pacientes que tiveram perdas dentárias e que não possuam comorbidades que interfiram no processo de osseointegração. No entanto, ele alerta que antes de iniciar, é necessário avaliar as condições de saúde do paciente, incluindo questões orais, espaço protético, biótipo dental e gengival, oclusão e até suas expectativas.

Quais são os benefícios?

Esse método permite uma melhor estabilidade das próteses dentárias na cavidade oral, quando comparado com técnicas convencionais. Isso acontece porque as próteses são apoiadas e/ou parafusadas nos implantes dentários, diferente de outros modelos que são apoiados em mucosa ou dentes. Outros benefícios incluem: durabilidade, conforto e maior facilidade de higienização (próteses tipo overdenture).

Quais cuidados devem ser tomados antes e após o procedimento?

Como dito anteriormente, o especialista deve avaliar todos os exames laboratoriais e de imagem antes de indicar a reabilitação com implantes. Com a definição do tratamento, o paciente deve seguir as orientações profissionais, o que inclui a administração de medicações profiláticas.

Após a cirurgia, as recomendações são semelhantes à de qualquer cirurgia dentária, o paciente deve permanecer em repouso, ter alimentações líquidas, pastosas e frias nos 3 primeiros dias, não realizar exercícios físicos, utilizar as medicações corretamente e retornar em 7 dias para avaliação do pós-operatório.

Momento histórico

No início de outubro, o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) Capão Redondo, gerenciado pelo CEJAM em parceria com Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo, realizou a primeira cirurgia de implante dentário pelo SUS da cidade.

Senhor Francisco Pereira de Lima, de 65 anos, foi avaliado na unidade e teve o caso elegível para o procedimento. Após realização de exames e planejamento, o paciente recebeu quatro implantes na parte inferior da mandíbula.

A cirurgia, que durou cerca de 1 hora, foi conduzida por uma equipe formada pelos cirurgiões-dentistas Dra. Thais Rime Ventre e Dr. Francis Tsurumaki e pelas auxiliares de saúde bucal Vanessa Viana e Anne Karoline.

Agora, ele aguarda o processo de osseointegração para receber a prótese dentária sobre os implantes. “No meu caso, o implante foi um sucesso e estou me recuperando muito bem”, comemora. Feliz com o acolhimento que tem recebido no CEO II Capão Redondo, Francisco acredita que o tratamento será fundamental para a melhora da sua qualidade de vida.

“A prótese, por ser encaixada nos implantes, terá melhor retenção em sua boca, promovendo uma mastigação adequada dos alimentos, aumentando sua autoestima, confiança, nutrição e fonação”, finaliza o cirurgião-dentista.

CEO Capão Redondo

Inaugurado em janeiro deste ano, a unidade conta com equipamentos de última geração, insumos de alta qualidade e profissionais especializados. Com serviços em nove especialidades, o CEO Capão Redondo é o primeiro do município de São Paulo a oferecer atendimento nas áreas de Dor Orofacial e Implantodontia.

Fonte: Comunicação, Marketing e Relacionamento

Saúde Bucal

Compartilhe essa notícia

SEDE CEJAM

Rua Dr. Lund,41, Liberdade, São Paulo, 01513-020
(11) 3469 - 1818

INSTITUTO CEJAM

Rua Dr. Lund, 41, Liberdade, São Paulo, 01513-020
(11) 3469 - 1818

Prevenir é viver com qualidade!